E quando o ciclo da vida é quebrado? – Vida, morte e o que é realmente importante

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

mufasa-and-simbaPlanos. Me peguei pensando sobre eles ultimamente. O que estaremos fazendo daqui a cinco anos. Nós planejamos cursos, viagens e todo tipo de atividade mas nós nunca nos preparamos direito para a quebra disso tudo. Desde sempre eu ouço que nós nascemos, nos tornamos adultos, envelhecemos e morremos. Todo mundo acha normal porque é assim que as coisas são.

 

O problema é que nem sempre é desse jeito. Muitas variáveis inesperadas podem quebrar este ciclo de expectativas e acabar com nossos planos e desestruturar tudo pelo que vivemos e batalhamos. Nos prendemos a coisas banais e esperamos por outras que na verdade não são importantes. Tudo o que você tem pode ir embora em um piscar de olhos e quando esse momento chegar eu espero que você não lamente ter esquecido de coisas importantes que estavam sempre ao seu alcance.

 

Lembro imediatamente do Coringa interpretado por Heath Ledger em O Cavaleiro das Trevas. Ele dizia que todos somos planejadores. Planejadores tentando controlar nossos pequenos mundinhos. Ninguém se apavora se tudo acontece como o planejado. Mesmo se o plano for aterrorizante!

tudo parte do plano

Posso parecer estar filosofando ao léu mas foi a morte de uma pessoa jovem, cheia de planos, e com uma vida inteira de realizações, sonhos, experiências e até mesmo decepções que me botou para pensar no que realmente importa. Pra que se preocupar com briguinhas, preconceitos e coisas que não posso ter. Tenho que dar importância a vida, a minha e a daqueles que são importantes para mim. Tenho que aproveitar o que posso com o dia de hoje. Conhecer o máximo, experimentar o que me fizer bem e ao lado de quem amo.

 

Não estou pregando que você largue tudo e vá viver como monge na Índia. Só faça isso se for o que está faltando na sua vida. Mas existem mudanças, que podem começar pequenas, que todos poderíamos fazer.

 

Mufasa falava para Simba que existe um ciclo da vida, mas ele nunca preparou seu filho para a quebra deste ciclo. É muito triste ver que aquela pessoa se foi e é muito triste ver quem ficou para trás. Tudo o que podemos fazer é aprender e seguir em frente. O que é importante para você? É nisso que você está colocando sua força e criatividade?

 

Este texto foi inspirado por e em homenagem a Thaís Botelho, que faleceu na noite do último sábado.

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+