A polêmica das axilas cabeludas–a depilação e os padrões sociais

terça-feira, 8 de maio de 2012

axilas e padroes sociais emer 2Esta semana a irlandesa Emer O’Toole ganhou atenção mundial ao participar do programa This Morning, do canal britânico ITV. O motivo de toda esta atenção reside nos pelos da garota, que decidiu não mais depila-los. Desde então já se passaram 18 meses e hoje ela apresenta pernas e axilas com tantos pelos quanto alguns homens.

 

O programa também tinha como participante a dona de um salão de beleza que tinha nojo de mulheres que não se depilam. Ela disse que suas duas filhas são depiladas constantemente pois além de feio, a decisão de não retirar os pelos traria uma grande atenção negativa, podendo ser a causa até mesmo de agressões no colégio.

 

Uma pesquisa foi realizada durante o This Morning, mostrando que 80% dos espectadores não concordavam com a decisão de Emer. Os comentários no Twitter eram ainda mais incisivos.

 

A reação das pessoas aos pelos dela me impressionou, então resolvi procurar alguns conhecidos para saber a opinião deles. A grande maioria falou que não concorda. Os motivos são variados:

”Eu não gosto de mulheres que não raspam porque parece, algo estranho... nem um pouco feminino”

“Então, não estamos mais na era das cavernas. É uma questão de higiene”

“Acho totalmente demodê, anti-higiênico, out ”

Assim como no programa britânico algumas pessoas disseram que acham simplesmente bizarra a decisão de uma mulher não depilar. Mesmo assim os comentários negativos não foram uma unanimidade.

“Eu tenho amigas que não raspam, mas nem por isso vou deixar de abraça-las. Eu pessoalmente acho feio, só que a liberação da mulher é um assunto muito mais importante do que atração... eu acho completamente razoável que as mulheres reivindiquem seus corpos dos padrões estabelecidos pelos homens.”

“Eu não me oponho a dizer se uma pessoa acha bonito ou não acha bonito, isso é subjetivo. Porém não é aceitável alegar que seria falta de higiene, pois desta forma todos os homens seriam imundos. Além disso não é direito de ninguém julgar o caráter baseado na presença de pelos corporais.”

A questão da falta de higiene realmente não pode ser sustentada pois homens possuem o mesmo corpo e não são considerados sujos apenas pela presença de pelos.

axilas e padroes sociais celebridades

Um dos primeiros registros sobre a depilação vem da Grécia antiga. Em 2000 a.C. as mulheres se depilavam arrancando os pelos com as mãos ou queimando com cinzas quentes sobre a pele. O processo era tão doloroso que muitas precisavam de bebidas alcoólicas para anestesiar o corpo.

 

Desde então o hábito de remover os pelos do corpo atinge homens e mulheres de diversas maneiras através de diferentes culturas. Sempre existem aqueles que não participam de tal ritual social e sofrem as consequências. Emer afirma que já sentiu os olhares e comentários das pessoas por causa de suas axilas.

 

Curiosamente quem mais se ofende com os pelos dela são as mulheres. Para a garota a maior aceitação por parte do público masculino se deve ao fato deles também terem pelos e não precisarem depilar.

 

Quando questionada como tudo isso começou, O’Toole afirma que começou a raspar as axilas aos 14 anos, simplesmente porque isso era o esperado. Com o tempo começou a questionar o motivo de passar por isso o tempo todo. Como não achou um motivo além da pressão social resolveu parar de raspar. Agora espera fazer com que a depilação deixe de ser mais um elemento obrigatório na vida das garotas.

axilas e padroes sociais emer

Quando a outra convidada disse admirar sua coragem, Emer disse de onde tira a autoconfiança:

“O que aconteceu foi que comecei a examinar o quanto da minha confiança vinha da minha aparência. Se a sua confiança vem da sua aparência, se é de lá que você tira a sua autoconfiança, de como o seu corpo aparenta e de como o seu rosto aparenta, então isso não está com você quando acorda de manhã, antes de colocar a maquiagem. Não está com você quando vai para a cama a noite, ao tirar a maquiagem. Não envelhece com você. Então é preciso achar confiança em outros lugares.”

Acredito que a decisão desta garota não irá mudar a sociedade ocidental (a não ser através de uma campanha massiva, com personagens no cinema e na TV mandando as pessoas gostarem disso), mas serve como lembrete de que o corpo da pessoa é propriedade dela. Suas decisões estéticas podem lhe agradar ou não, mas esta não é uma causa para agressões verbais ou físicas.

 

E você? Gosta da aparência de Emer? Tomaria uma decisão semelhante ou gostaria de, ao menos, não ser obrigada sempre a estar se depilando o tempo todo?

 

Fontes: Daily Mail, Pello Menos, Wikipédia

9 comentários:

Ju Lee 8 de maio de 2012 14:59  

Achar bonito não acho, mas acho super válido, e o que mais incomoda é que se um homem faz o mesmo, ninguém acha feito ou anti-higiênico.

Ju Lee 8 de maio de 2012 15:00  
Este comentário foi removido pelo autor.
Isabel 10 de maio de 2012 08:24  

Vale a discussão do quanto é estética e o quanto é imposição e falta de respeito aos direitos de cada um. O feminismo teoricamente atingiu uma posição de igualdade mais próxima, mas cada vez mais as mulheres tem de se submeter a diversos procedimentos custosos, sofridos e às vezes mutiladores para serem aceitas, estarem bem dentro dos padrões de nossa sociedade. Será que sabemos respeitar as particularidades e direitos de cada uma?

Mario Jorge 14 de maio de 2012 19:39  

Eu gosto e acho legal a mulher ficar au`natural. A beleza vêm da individualidade. só gosto do azul pq o mundo é vermelho..

Vincent 14 de maio de 2012 23:09  

esticamente feio, e anti-higienico; ela faz o que quiser, mas perderia totalmente a atração por uma garota assim ao erguer o braço.

Anônimo 15 de maio de 2012 15:28  

Vincent, vc raspa o sovaco ou é sujo mesmo? Pq vc dizer q é feio, é gosto, cada um q sabe, mas anti higienico quer dizer q vc ou rapa tudo ou é um fedido nojento

Zen 21 de agosto de 2012 20:22  

"Suas decisões estéticas podem lhe agradar ou não, mas esta não é uma causa para agressões verbais ou físicas." Q porra é essa? Me mostre as tais agressões a uma mulher q não depila. Q merda de sensacionalismo é esse? Além do q nenhuma conduta humana, seja ela qual for, está isenta de julgamentos. Essa praga, esse lixo do politicamente correto (q as massas de manipulação política e de poder nem se dão conta) para um domínio globalista é o Admirável mundo novo já aí, facismo higienista de rebanhos, censura e vigilancia 24 hs pelo Estado e por todos sobre todos pelo bem de todos... coletivismo histérico desestruturador dos potenciais humano e da criatividade. Daí essa geração de adultos infantilizados, q não aguenta um peido; 30, 40 anos nas costas e não virou homem, mulher de verdade. Bando de bebê chorão, sem maturidade espiritual, psíquica e intelectual, sem fibra moral; q só se desenvolve ante os contrastes, contradições e provações da vida real. Mas agora, uma piadinha é crime, é processo, pois é uma terrível ofensa, agressão. Õ tadinho, vai traumatizar... Estamos caminhando para a histeria, um coletivismo q acaba por isolar as pessoas, a irresponsabilidade e até a canalhice. É a falta de medida das proporções.

Zen 21 de agosto de 2012 20:23  

Pois tudo é culpa do machismo, não? Os homens podem ser acusados de sofrerem com o próprio machismo, mas as mulheres quando se sentem oprimidas por algum comportamento social não podem levar culpa por isso. Vc vai vendo os comentários e percebe como os chavões e o automatismo dos discursos chovem de lados antagonicos tendenciosos. Pq é "curioso" q qm mais se ofende com antidepilação são as mulheres? Pq, TEM q ser os homens? Os homens não se importam realmente com toda essa parafernalha q as mulheres CRIARAM e vem criando, pra se produzirem toda. Agora q essas praticas já estão no inconsciente coletivo, se aparece uma boneca na frente, pros homens é apreciavel sim, é lucro, mas não necessário. E esse negócio de depilação como padrão d blz é uma obssessão atualmente. já vi cenas de filme pornoxanxada de algumas décadas, as mulheres tudo com suvaco de orangotanga, e a xana meu deus, nem se fala. Ou acham q as tataravós eram os seres mais lisos do mundo e os tataravôs machistas ficavam puuutos com essa situação? Ou q holywood é a verdade histórica com seus heróis e heroínas de épicos com a pele mais de bebê de todos os tempos...

Anônimo 14 de agosto de 2016 13:20  

Para o Zen... Amigo... as mulheres passaram a se depilar nas axilas pq os homens nas fábricas viam os sovacos peludos e lembravam das partes íntimas das mulheres. por isso essas tiveram que começar a raspar por ordem de diretorias das fábricas. depois vc vem dizer que não é machismo? em prol dos homens? vai pesquisar querido.

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+