Juke-R, o compacto da Nissan que bate Ferraris e Lamborghinis

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Alguns podem considerar o Juke-R uma maravilha da engenharia. Trata-se de uma SUV compacta com motor do Nissan GT-R. Isso dá ao pequeno prodígio 485 cavalos e um conjunto mecânico AWD. O resultado? Um carrinho que é muito mais potente do que aparenta.

nissan juke-r

Para provar que o Juke-R é tudo isso, a Nissan improvisou uma pista de rua em Dubai e realizou uma corrida onde seu compacto competiria com uma Ferrari 458 Itália, uma Lamborghini Gallardo e uma Mercedes-Benz SLG AMG. O que esperar de uma disputa entre supercarros e um compacto?

 

 

Você tem todo direito de ficar desconfiado, afinal é um vídeo oficial da empresa, mas não se pode dizer que o carrinho não é potente.

 

Fonte: Autoblog

15 comentários:

Alexandre 11 de fevereiro de 2012 15:19  

Não acredito, ficou muito distante, isso seria, por exemplo a distância entre um carro 2.0 com 140HP e um carro 1.0 com 60HP e essa diferença de potência não acredito que ocorra entre esses carros.
O carrinho da NISSAN deu poeira numa Ferrari, numa Lamborginni, na Mercedes é ruim meu camarada.

Colen 12 de fevereiro de 2012 02:01  

pôe na reta então. Na reta esse compacto não dá nem pro cheiro.

Anônimo 12 de fevereiro de 2012 03:35  

Nem a Lambo e a Ferrari quase param nas curvas, e a Mercedes parece q ta fazendo curva igual a caminhão de tanto q abre

Anônimo 12 de fevereiro de 2012 04:58  

é, o carro é rápido, mas que é a pista que fizeram ali foi exatamente pra ele, por que a Ferrari nem a Lambo conseguiriam fazer aquelas curvas usando a potência do motor... Como disseram, joga na reta que daí o Nissan ia ficar pra trás. Não desmerecendo, por que eu achei o carro bonito até

Denzel 12 de fevereiro de 2012 12:15  

dificil de acreditar
já que os outros carros tem toda uma aerodinamica propria pra correr
ao contrario desse carro quadrado

Thiago 12 de fevereiro de 2012 14:28  

Amigos da pra ver o esforço que o carrinho da nissan faz nas curvas o cara canta pneu e acelera o carro ao máximo enquanto os outros dirigiam tranquilos sem forçar os carrrões. Lixão pra caraio

Carlos Eduardo 12 de fevereiro de 2012 14:29  

Acredito sim, a nissan não brinca em serviço. Quando lançaram o skyline gt-r ele foi considerado pelo programa Top Gear da BBC (um dos programas de tv mais antigos, se não o mais, sobre automobilismo esportivo) como a única verdadeira contribuição japonesa para a linha de supercarros. Esse novo juke-r tem o motor do skyline gt-r, então só por aí vc já tira. A velocidade maxima dele não é tão alta, mas a aceleração dele é monstruosa, ele faz de 0-100 km/h em 3,7 segundos; então não é de se admirar q ele ponha no chinelo a ferrari e lamborghini; agora numa pista reta aí sim ele ficaria pra trás, qdo os outros alcançassem a vel. max.

Anônimo 12 de fevereiro de 2012 15:42  

A questao é que corrida em linha reta não é corrida né... ficar dando volta em pista oval é coisa de indy... curva, reta, curva, aceleração e desaceleração... isso sim é corrida e quando vemos isso o carro da nissan deixa mesmo os outros 3 no chinelo!

Anônimo 12 de fevereiro de 2012 17:00  

Tem cara que pensa que carro é só motor e lataria.
Esquece que tem chassis (que faz toda a diferença no desempenho), suspensão, aerodinâmica, controles eletrônicos, etc.
Além disso, no caso do motor, não conta só potência. Tem que ver a que momento a potência máxima aparece, se é em alta ou em baixa.
Mesma coisa com o torque...
Antes de sair falando merda, ve se estuda um pouco.
PS: O vídeo pode ser um pouco tendencioso, pois é da Nissan. Mas não tira a credibilidade do carro, pois quem conhece um Skyline ou GT-R sabe do que eu estou falando.

ricardo 12 de fevereiro de 2012 17:11  

Quem entende o mínimo, ou pelo menos entende um pouco, sabe que ferraris, lamborguinis e mercedez de alta performance, não são característicos de pistas curtas e truncadas como essa. O nissan se sobressai, pois possui um torque monstruoso e é tração integral!!! Se alguém não sabe o que é tração integral, por favor, volta para o seu 1.0 e vaza. Como o GT-R, o Juke possui o fantástico controle de largada, por isso saiu na frente dos outros, que possuem tração traseira.Ah sim, o kit aerodinamico do carro da Nissan é todo em fibra de carbono, melhor relação peso- potência.
Agora coloca esse nissanzinho em uma pista como Hockenheim ou Ímola, com curvas mais rápidas e abertas. Vai perder bonito, com certeza. Em quartos de milha, pode ser que o nissan consiga sair na frente, mas nos primeiros 100 metros vai perder para o giro mais alto da ferrari e da lamborguini.

Bala 12 de fevereiro de 2012 22:45  

Ridículo. Pra início de conversa essa é uma propaganda de pobre, de empresa de 2ª linha pois não é nada elegante nem confiável esse tipo de postura. E depois, se querem respeitar a inteligência do consumidor, deixe a lamborginni e a ferrari escolherem seus próprios pilotos, pois esses aí deu na cara que não eram de nada.

Bala 12 de fevereiro de 2012 22:47  

Parabéns Ricardo, pela aula!

david portugal 17 de fevereiro de 2012 09:10  

oi pessoal se na vida real tivessem um carro como a ferrari ou Mercedes,e quisessem levar a sua mulher ao hospital o mais rápido possível, já me fazer perceber ?espero que sim mas também tem razão este jipe numa reta não dava.

Anônimo 19 de fevereiro de 2012 13:26  

Minha marea dá um pau nesse carro. kkk

Anônimo 19 de fevereiro de 2012 23:04  

o tiozao que estava dirigindo a ferrari nao era de nada, minha mae no city dela dava um pau nele.

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+