Animais se sacudindo e ciência

terça-feira, 16 de novembro de 2010

O design bio-inspirado usa mecanismos desenvolvidos pela natureza para criar. Estudantes da Faculdade de Engenharia Mecânica do Instituto de Tecnologia da Geórgia se dispuseram a estudar a famosa sacudida do cachorro molhado, composta por movimentos oscilatórios, para ver se poderia ser aplicada para criar uma máquina de lavar mais eficiente.

 

Com uma câmera de alta velocidade, gravaram vários mamíferos se sacudindo para livrarem-se de água. O que descobriram foi que quanto maior o animal, mais curta a sacudida. Ursos e cães grandes se sacodem cerca de 4 vezes por segundo, enquanto ratos por volta de 27 vezes. O movimento inicia-se na cabeça, indo até a cauda, e é uma força centrípeta.

 

Os pesquisadores declaram que nenhum animal foi prejudicado nesta pesquisa, embora o fato de ter uma parte em que as imagens são registradas em raio-X com um rato não torna o procedimento exatamente inócuo.

 

Interessados ou não na física envolvida podem aproveitar o vídeo feito para a pesquisa, afinal quem não gosta de observar bichos se sacudindo e jogando água para todos os lados?

 

Fonte: Care2.com

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+