Grandes viajantes do mundo animal

sexta-feira, 18 de junho de 2010

O ser humano sempre foi meio nômade, tanto que acabou por ocupar todos os continentes do planeta. Claro que hoje é muito mais fácil pois nos deslocamos por meio de aviões que te levam de um lado a outro do mundo em um dia. Se quiser viajar por terra um carro ou ônibus faz o serviço a uma velocidade impensável para nossa espécie.

 

Entre as outras espécies que povoam a Terra também existem seres que gostam de mudar de ambiente em diferentes épocas do ano. Para eles o trabalho é muito mais árduo pois eles só contam com seus próprios meios para se deslocarem e olha que os caras andam muito. Confira algumas características de certos viajantes da natureza.

 

migratorios fuselo

Fuselo – Todo ano esta ave sai da região do Alasca até a Nova Zelândia. Eles preferem um clima mais tropical por isso viajam cerca de 22.530 quilômetros para passar o inverno no sul. Até aí não existe grande surpresa, afinal muitas aves fazem viagens enormes em diferentes estações, certo? Mas todas elas param para comer e descansar. O fuselo faz esta incrível jornada sem parar para dormir ou comer. São oito dias voando initerruptamente, um verdadeiro teste de resistência. Eles utilizam o campo magnético da Terra para localização e gastam 0,41% de sua massa corpórea para cada hora de vôo.

 

migratorios enguia europeia

Anguilla anguilla – É uma espécie de enguia européia que habita no mar, rios, ribeiros e estuários. Nada de anormal se ela não tivesse o hábito de reproduzir no Mar de Sargaços, no Atlântico Norte chegando as vezes até o norte das Bermudas. É uma viagem de aproximadamente 5.500 quilômetros, quase a mesma distância de ir de Salvador até Florianópolis de carro e voltar. Quando as larvas eclodem elas voltam para a Europa. Infelizmente o número de enguias voltando de suas viagens migratórias está diminuindo e os pesquisadores estão tentando definir quais as causas. Os principais suspeitos são a pesca predatória, mudanças nas correntes pelo aquecimentos global ou as estruturas feitas pelo homem perto de rios, o que dificulta a volta do oceano para os rios.

 

migratorios crocodilo

Crocodilo-de-água-salgada – Como o nome já diz, estes animais podem viver no mar, mas são comumente encontrados em rios e estuários. Trata-se da maior espécie de crocodilo do mundo, habitando a área dos oceanos Índico e Pacífico, mas já foi encontrado em locais inusitados. Isso porque o crocodilo utiliza correntes marítimas para se deslocar, chegando a viajar por cerca de 8 horas. Existem relatos de pessoas que o viram bem distante da costa. Eles não se perdem em suas viagens pois, assim como as aves migratórias, ele possui uma espécie de bússola na cabeça.

 

migratorios elefante marinho

Elefante marinho do norte – Definitivamente uma espécie que gosta de viajar. São duas migrações por ano. Macho e fêmeas têm hábitos diferentes. Anualmente, eles passam cerca de 250 dias viajando, cobrindo mais de 21 mil quilômetros. Já as fêmeas passam exatos 300 dias “na estrada”, por mais de 17.700 quilômetros. É o mamífero que passa mais tempo viajando. Eles conseguem mergulhar a grandes profundidades e passar muito tempo submersos.

 

Fonte: WebEcoist

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+