Pílula promete diminuir espaço no estômago sem cirurgia

domingo, 25 de abril de 2010

tomando um comprimido A obesidade é um problema grave, que traz uma grande número de problemas para a saúde da pessoa. O mundo corrido em que vivemos e o tipo de comida que ingerimos no dia a dia só estão ajudando a criar novos obesos. Soluções para isso não faltam, que vão da força de vontade de fazer um regime a opções mais drásticas como cirurgias para diminuição do estômago.

 

Uma empresa americana chamada Gelesis promete chegar a um meio termo neste assunto. Eles criaram uma pílula feita a base de uma fonte alimentar não revelada que promete diminuir o espaço no seu estômago deixando-o cheio, diminuindo desta forma a vontade de comer.

 

Sabe aqueles brinquedinhos, parecendo uma esponja, que são colocados na água e crescem? Esta é a idéia básica do medicamento da Gelesis. Quando a pessoa toma o comprimido com um copo de água ele cresce até em 100 vezes o seu tamanho. Isso a deixa com a sensação de “barriga cheia”, portanto desejando uma quantidade menor de comida.

 pilula diminui estomago

Quando a comida chega no estômago o hidrogel faz com que ela fique mais tempo por lá, melhorando a absorção. A quebra causada pelo ácido estomacal também retira a água dele, fazendo-o voltar ao tamanho original. Quando a comida e o polímero chegam ao intestino delgado, ele cresce pela segunda vez, sendo que agora em uma proporção menor, melhorando a absorção dos nutrientes pelo intestino. Depois ele volta ao tamanho normal e é excretado normalmente. O interessante é que este hidrogel suporta grandes variações de pH, podendo agir tanto no estômago quanto no intestino.

 

Segundo a Gelesis seu produto não entra na corrente sanguínea e os primeiros testes em humanos foram feitos com sucesso. A única reclamação foi a sensação de barriga estufada, coisa que sentiríamos com tanta comida de qualquer jeito.

 

Se os testes finais forem um sucesso e o FDA (órgão que regula os remédios nod EUA) aprovar a venda do medicamento teremos uma opção muito menos arriscada e radical para o combate a obesidade. O problema em soluções como esta pílula ou cirurgias para redução do estômago é que nenhuma delas trabalha com o problema real, a educação alimentar.

 

comida caloricaO tipo de comida que temos disponível é em sua maioria processado e cheio de gorduras saturadas. Mesmo que comendo em menor quantidade estamos deixando nossos corpos desnutridos e obesos. A solução da Gelesis pode ajudar uma pessoa a perder peso, mas antes de mais nada ela precisa pensar em como anda sua alimentação. Comer um hambúrguer pequeno ao invés de um enorme não vai fazer bem a ninguém. É necessário modificar a mentalidade de forma geral em relação a comida.

 

Fonte: Popular Science

71 comentários:

Anônimo 25 de abril de 2010 14:10  

Oi será que essas pílulas dão mesmo certo! Se realmente der certo virá para o Brasil para ser vendidos e nós obesos poderamos consumirmos sem culpa e medo de algo nos acontermos!falo pelos obesos esperom que tenha logo por aqui no Brasil porque sonho ficar sem essas toneladas de gorduras que tenho e estou pensando na cirurgia de redução de estômago obrigada pela matéria que me estimulou a ter as pílulas e um dia poder ser magra boa tarde....

Anônimo 25 de abril de 2010 14:12  

Oi será que essas pílulas dão mesmo certo! Se realmente der certo virá para o Brasil para ser vendidos e nós obesos poderamos consumirmos sem culpa e medo de algo nos acontermos!falo pelos obesos esperom que tenha logo por aqui no Brasil porque sonho ficar sem essas toneladas de gorduras que tenho e estou pensando na cirurgia de redução de estômago obrigada pela matéria que me estimulou a ter as pílulas e um dia poder ser magra boa tarde....

Arlla 25 de abril de 2010 14:14  

Oi será que essas pílulas dão mesmo certo! Se realmente der certo virá para o Brasil para ser vendidos e nós obesos poderamos consumirmos sem culpa e medo de algo nos acontermos!falo pelos obesos esperom que tenha logo por aqui no Brasil porque sonho ficar sem essas toneladas de gorduras que tenho e estou pensando na cirurgia de redução de estômago obrigada pela matéria que me estimulou a ter as pílulas e um dia poder ser magra boa tarde....

polion gomes 25 de abril de 2010 14:25  

Um grande avanço;teriamos mais uma ferramente para combater a obesidade.Quanto a quantidade de gorduras ingeridas,esse medicamento diminuiria a absorção tambem????

Anônimo 25 de abril de 2010 14:28  

Edu Ribeiro.
é uma ótima notícia para todos,com certeza será um aliado contra aqueles quilinhos a mais.Agora, educação alimentar quem sabe quando a auto estima melhorar, e realmente vermos os resultados ali, na balança. Falo isso por experiência própria.

Anônimo 25 de abril de 2010 14:32  

De toda forma, com o condicionamento psiquico, o alimento que comemos é menor qte, e ao decorrer do tempo o estomago diminui de tamanho, ou dilata de acordo com a qte q vc. ingere, e essa pilula deixaria, sempre que administrada, ele estufado, ou seja, com a capacidade maxima de tamanho.
Seria o mesmo efeito das fibras e da alga agar-agar...
Logo, para este efeito, e como uma instancia emergencial, esta pilula é bem legal...
EU estive nos ultimos meses a procura de algo q me pudesse ajudar, ate q o medico descobriu que não posso comer gorduras, pois o organismo nao processa bem, ai cortei tudo gorduroso e sinto o organismo melhor.
Boa sorte a todos que procuram um caminho para emagrecer com saude.

Anônimo 25 de abril de 2010 14:38  

Na matéria diz que nos processos atuais não cuidam do hábito alimentar. Pelo que acompanho com conhecidos que fizeram redução de estomago, a reeducação alimentar é extremamente necessária após a cirurgia de redução de estomago. O problema de quem volta a engordar é por não seguir as orientações dos nutricionistas/médicos.
Todos sabemos que quanto mais colorido estiver o prato mais nutritivo ele é.

Juliana 25 de abril de 2010 14:44  

Amei,gostaria de poder tomar,só que tenho só 17 anos.
eu como d+ e estou 13kg acima do meu peso.
ESSA PÍLULA VENDE NO BRASIL?RIO DE JANEIRO?PODE SER COMPRADO SEM RECEITA?

cila 25 de abril de 2010 14:46  

Boa tarde meu nome é Priscila ,gostaria de saber se faz mau a saude depois de um certo tempo,e quando vira para o Brasil estou anciosa para tomala

silvania_ak 25 de abril de 2010 14:47  

olá!
que notícia maravilhosa!
gostaria de saber quando podrmos contar com esta maravilha, aqui no Brasil, pois tenho que fazer a redução de estomago, mas se não demorar muito, prá chegar ao Brasil, prefiro tomar a pílula, ainal evitar a cirurgia émuito melhor.
abraços!

Anônimo 25 de abril de 2010 14:50  

Será que teremos LOGO essa pílula no Brasil? Preciso urgente de algo assim pois nenhuma roupa mais me serve e é difícil encontrar roupas para gordinhas que não mostrem os pneus que se formam na circunferência da gente.

Anônimo 25 de abril de 2010 14:53  

Essa pílulas vão revolucionar os tratamentos de obesidades.

Anônimo 25 de abril de 2010 14:54  

Muito legal! Mas acredito que junto com ela, acompanhamento médico também é indispensável. De repente pode funcionar como primeiro incentivo; afinal, quando vemos a balança respondendo bem, nos sentimos muito mais motivados a querer tomar os cuidados que vão manter o peso. Tenho problemas de tireoide; era bem magra (tinha IMC abaixo do normal) e engordei 30kg em 1 ano; nunca mais voltei nem ao peso normal. Espero que chegue ao Brasil e que não tenha efeitos colaterais ruins.

Anônimo 25 de abril de 2010 15:00  

Eu quero muitas pilulas desta, quando chegam ao mercado????

Anônimo 25 de abril de 2010 15:03  

Olá's...
Eu tbém luto contra a obesidade e gostaria de indicar(algo que vem ajudando a salvar minha vida) os Comedores Compulsivos Anônimos, acessem:
www.comedorescompulsivos.com.br
É uma irmandade de homens e mulheres que se unem para tentar combater essa doença do comer compulsivo. Existe no undo todo, não tem taxas e nem mensalidades, somos auto-sustentáveis por meio de nossas próprias contribuições e trocamos experiência, força e esperança, além de podermos falar sem medo, da nosso dor por comer demais.
Temos reuniões presenciais em várias partes do mundo e também reuniões on line, que acontecem pelo Paltalk(as terças-, sextas e domingos) e pelo msn(as segundas e quartas-feiras).
Ah, e sobre a pílula, tomara que dê certo, apesar de que, para mim o buraco é muiat mais embaixo, vai muito mais além do simplesmente comer porque se é guloso. O que nos faz comer, são as dificuldades emocionais, somos analfabetos do sentir e nos empanturramos com comida.
Espero poder encontrá-los em CCA.
Bjos

Anônimo 25 de abril de 2010 15:04  

Nossa interessante esse processo, pelo simples fato, da pessoa que tem algum problema ou vários com a obesidade não necessitar passar por um processo cirurgico para na ajuda da perda de peso. E antes de mais nada o que precisa ser tratado também num processo de regime e a reeducação alimentar. Não entendo por que lancherias não investem também em comidas saborosas e nutritivas, assim colabora e serve a todos os gostos. Muitas pessoas não tem noção de que gosto tem um brocólis.hehe.

Luciana 25 de abril de 2010 15:09  

Bem a idéia é muito boa para qm está obeso ou sobre peso, mas se não se aprender a comer direito não vai adiantar, a pessoa só vai ficar escrava do remedio a vida toda, pois a partir do momento em que ela parar de tomar, sentirá a msm fome e comerá o que comia antes, o efeito sanfona ocorrerá da msm fomra.
A reeducação Alimentar é a mlehor opção, além de vc aprender a não passar fome, vc come os nutrientes necessarios e seguindo a risca durante a semana vc pode comer (sem exageros) um fast food e sem se culpar.
flao por experiência própria, adotei a medida de reeducação e hj já perdi 22 kilos, continuo comendo de tudo e sem passar fome, mas cortei o mal pela raiz (tomava 25 litros de refrigerante por semana e uma média de 5 á 7 salgados fritos/dia), é uma conquista notória, a concientização para um caminho de id sem volta.

Anônimo 25 de abril de 2010 15:36  

Camila, gostaria de saber quanto tempo essas substancias fica no organismo.

Anônimo 25 de abril de 2010 15:37  

olá a ideia é com certeza interessante e se realmente der certo será uma grande aliada nas buscas incessantes de perda de peso, afinal quem não gostaria de perder peso sem ficar sentindo fome(como acontesce normalmente). Espero que venha logo para o Brasil. Essa matéria me deu um pouco mais de
ãnimo por pensa que posso conseguir emagrecer sem ter que passar por uma mesa de cirurgia.!!!

Anônimo 25 de abril de 2010 15:42  

Em virtudes as grandes pesquisas sobre obesidade, precisamos antes de tudo cuidar com a nossa alimentação, do que adianta tomar a pílula se a nossa alimentação continuará do mesmo jeito ???

sonia 25 de abril de 2010 15:52  

ola
isso nao é novidade! Em um tratamento para o obesidade tomei pilulas de glucomanan, uma fibra alimentar que eu tomava 30 min antes das refeicoes com 2 copos de agua. a fibra juntava-se com a agua transformando em uma massa a qual preenchia meu estomago. funcionou sim, mas com o tempo a fibra comecou a corroer meu estomago. precisava tomar antiacidos durante o dia todo pois nao aguentava a azia...
temos que saber que substancia esta presente nessa nova pilula e quais efeitos - pq sempre tem - estao associados ao medicamento... mas pra mim nao eh novidade. ainda prefiro a cirurgia pq disciplina quem nao eh disciplinado como td o obeso...

Ariana D. 25 de abril de 2010 16:10  

"A solução da Gelesis pode ajudar uma pessoa a perder peso, mas antes de mais nada ela precisa pensar em como anda sua alimentação."
A própria empresa que criou a pílula sabe que o importante é cuidar da alimentação, então, cabe a cada um que optar por usa-las também parar pra pensar que reeducação alimentar é indispensável, visto que não adianta nada emagrecer e não ter saúde!
Sem contar que provavelmente o preço será o olho da cara!

Anônimo 25 de abril de 2010 16:19  

realmente será a 8a. maravilha. Nem todos tem força de vontade para fazer uma reeducação alimentar corretamente.Espero que chegue logo ao Brasil e com um preço acessivel todos.E que não tenha efeitos colaterais como a maioria dos remédios para emagrecer. acho a redução de estômago um tan to quanto radical.

Anônimo 25 de abril de 2010 16:24  

Td mundo tem essa mania de ficar falando q a pessoa n emagrece por causa da falta de exercício, aliada a má alimentação, mas isso n eh verdade em tds os casos! eu msm tenho 175 cm de altura e msm fazendo dieta e exercícios tds os dias, qd consigo um peso "normal" fico c 75 Kg. Se eu comer um pedacinho de pizza no fim de semana, pode ter certeza, vou aumentar um Kg! E isso n eh mentira. P eu chegar aos 70 Kg, tenho q praticamente passar fome e exagerar na malhação, deixando meu corpo todo acabado. A consequencia disso eh q acabo sempre oscilando entre os 78 e os 75 Kg q eh o q consigo, fzd uma dieta equilibrada e c exercícios normais como caminhada. Esse remedio pode ser a solução p o meu problema. tomara q chegue rapido!

Anônimo 25 de abril de 2010 16:34  

é muito importante esse tipo de pesquisa, e, mais ainda a descoberta de um medicamento que poderá melhorar a qualidade de vida de muito gente que sobre com a obesidade. Para tanto é preciso ter cautela no uso do medicamento caso seja liberado pelas autoridades de saude dos Estados Unidos e posteriormente aqui no Brasil, vamos aguardar....felicidades a todos por essa descoberta.

Nut. Jaqueline 25 de abril de 2010 16:38  

NENHUM remédio é milagroso!
A educação alimentar é sim o caminho mais correto e que cuida da saúde, mesmo que seja o caminho mais lento e longo....

Não adianta emagrecer e com 40 anos ter colesterol alto, problemas vasculares, Diabetes, etc....

Anônimo 25 de abril de 2010 16:46  

Tenho uma irmã muito sarcástica que diz que o melhor lugar para se emagrecer é na "Clínica Auschwitz, sob os cuidados do doutor Josef Mengele". Brincadeiras mórbidas à parte, nada como muita educação alimentar, muito exercício físico e muita DIS-CI-PLI-NA! Se sair disso, não acredito em milagres de pilulazinhas! Ajuda de um(a) bom (boa) nutricionista também tá valendo!

Janaina 25 de abril de 2010 17:40  

janaina,essa pilulas estão em estudo ou não, quando sera liberada para brasil.

poo.zinho 25 de abril de 2010 18:51  

Pílulas?? pra que QUER IMAGRECER FECHA A BOCA SEU BURRO agora fica dependente dessas drogas farmaceuticas.... si essas porcarias funcionacem n existiriam tantas no mercado.... fala sério isso é só para burro sem orientação... pílula n imagrece e sim seus atos...vai praticar atividade física, e "fecha essa boca", é saudável e ainda ajuda o coração..... agora pílula só pra preguiçoso obeso mesmo ( eu sou obeso por que gosto ) eu sempre imagreço qndo quero... nada que 3 horas de basquete diário e uma manerada na comida pra perder peso.... aff pena de quem consome essas drogas!!!!

sueli 25 de abril de 2010 19:20  

gostaria de saber se esse remedio vem logo pro brasil e se vai ser muito caro e queria saber tambem se eles nao queren ninguem aqui no brasil pra fazer um teste estou desponivel estou com 20 kg acima do peso se me responderen agradeço.

Anônimo 25 de abril de 2010 19:20  

Ou a galera não é capaz do ler o texto inteiro, ou é muito burra!!! Um monte de gente perguntando quando a pílula vai ser vendida no Brasil... e até se precisa de receita!
Acho isso ridículo!!! É só ler com atenção. Ainda faltam realizar alguns testes, e depois o FDA (Food and Drug Administration) ainda terá que autorizar a comercialização do produto. O FDA é um órgão sério, e barra tudo o que eles acham que é nocivo. As duas coisas (tests e aprovação) podem levar um bom tempo..

Victória Régia de Oliveira 25 de abril de 2010 19:23  

As neuróticas por magresa deixarão de comer de tudo, acreditando que a simples sensação de estômago cheio, será o suficiente. Não vão comer nada e só engolir pílulas até a morte.
Depois da bulimia e da aneroxia, que nome terá a mania de viver de pílulas de gelatina?

Marilia 25 de abril de 2010 19:54  

Ah! A esperança é a última que morre...
Eu sou obesa hereditária. Meus pais não me deixaram outra herança, mas essa não acaba nunca.
Meu mal não é a quantidade, mas a escolha que faço dos alimentos. Tudo o que "pode" eu não gosto. Tudo o que gosto "não PODE!" A pílula de que preciso deve me fazer amar verduras, legumes, frutas e odiar arroz, batatas, bolos, sorvetes, queijos... Será que existe esperança para mim?

Anônimo 25 de abril de 2010 21:44  

Gente pelo amor de Deus!! Parem de pensar em milagres! Esta pílula não fará milagres, ela apenas ajudará como coadijuvante a dietas com exercícios físicos, o texto é bem claro em dizer que ela não mudará o seu hábiato alimentar, portanto se vc pára de tomar engordará novamente...o maior esforço tem que partir da própria pessoa que pretende emagrecer. Em suma aprenda a ter hábitos saudáveis na sua alimentação!

Anônimo 25 de abril de 2010 22:39  

Será que ninguém lê a matéria por completo antes de perguntar? A pílula está sendo TESTADA, ou seja, está em caráter EXPERIMENTAL!!!

Não, não existe no Brasil, não existe no Rio de Janeiro e não pode ser vendida sem receita, simplesmente porque ela sequer foi homologada pelo FDA!

É muita boçalidade para um artigo só, cruzes!

Paulo Henrique 25 de abril de 2010 22:59  

Se vcs estão realmentes preocupados em melhorar a forma física, reduzir as medidas,eliminar peso e ter mais disposição e saúde acesse www.sempresaudavel.net nossos produtos são comprovados e aceitos em mais de 73 países, não é remédio e sim alimentos de altíssima qualidade com o melhor sistema de tratamento. Caso tenho alguma dúvida podemos nos falar por email muitasaude@yahoo.com.br
Um abraço e muita saúde a todos,
Paulo Henrique

Anônimo 25 de abril de 2010 23:23  

Será que o medicamento em questão não irá fazer com que o estômago com um tempo aumente de tamanho uma vez que ele irá ficar cheio de qualquer forma? A vontade de comer vai se menor por ele estar cheio de uma outra substância. Mas de qualquer forma estará cheio!Acho que a pessoa também acabará comendo mais vezes durante o dia ou abusando dessas pílulas!

Silvana 26 de abril de 2010 00:13  

OLÁ!!! Que notícia boa!!! Tomara q dê tudo certo..... pois, preciso fazer a Redução de Estômago.... mas, tenho medo!! Tô muito acima do peso, por isso me inscrevi p/ fazer a cirurgia pelo SUS. Quando essa Pílula chega ao Brasil??? Vamos Precisar de Receita p/ Compra-lá?? Quem tá acima do peso como eu... sabe como é difícil nos olharmos no espelho... ainda temos q saber lidar c/ o PRECONCEITO!!

Anônimo 26 de abril de 2010 00:44  

Isso sim sera um milagre, ja que a situaçao e bem grave,sera o fim da obesidade.

Anônimo 26 de abril de 2010 00:58  

Essa coisa parece perigosa.Um gel que dilata o Estomago? Parece coisa totalmente bizarra. Não esqueçam que comer é bom para o nosso corpo funcionar normalmente.
Com todo ese "gel" no estomago, como fazemos para nos nutrir?

Anônimo 26 de abril de 2010 02:24  

Se isso funcionar, só quero mesmo ver quanto será as pílulas

Anônimo 26 de abril de 2010 02:39  

Deve-se suspeitar deste "efeito milagroso" destas pílulas, pois quando não tomadas haverá fome em dobro, o que geraria um mau hábito da dependência

Outra grave questão é seria a dilatação estomacal provocada pela pílula. O que agravaria o problema a longo prazo, pois estômago pequeno = a menos fome
Ainda existe a questão do mal estar que seria causado quando ocorrer de a pessoa comer ou beber e ingerir a pílula junto.

Anônimo 26 de abril de 2010 07:41  

Ana


Oii as pessoas têm que ter em mente que se não mudarem sua alimentação isso não vai adiantar. A mudança de hábitos alimentares é o primeiro passo para um emagrecimento saudável.

Anônimo 26 de abril de 2010 07:56  

Isso está com jeito de que dá obstrução intestinal. Já pensou, tomar um negócio desses e ter que ir para a mesa de cirurgia, para tirar?

Anônimo 26 de abril de 2010 08:07  

Fiquei maravilhada com a boa nova,assim que chegar ao BRASIL por favor me contatem eu venho de uma família bastante esforçada,trabalho para ajudar em casa e não tenho recursos para uma cirurgia estômacal,tenho 1.55 e peso 98 kls...Preciso como muitos outros de ajuda...(nailzas@hotmail.com)

Anônimo 26 de abril de 2010 08:12  

Querem emagrecer? Façam tratamento com endocrinologista, nutricionista e 90 minutos de academia (musculação e aeróbicos) cinco vezes por semana. Com uma certa disciplina, dá para perder até 10 por cento de tecido gorduroso em um mês. Para manter, é necessária uma mudança de hábitos pelo resto da vida. O resto é bobagem, perda de tempo, dinheiro e enganação!

Anônimo 26 de abril de 2010 08:12  

Acho uma proposta muito interessante, ainda mais eu que, já realizei uma cirurgia de redução de estômago e, ao contrário do que se pensa,é muito com complicada(começando pelo preparatório e o risco da própria cirurgia), te causa dores, náuseas que te levam a vomitar, desgastam teus dentes e, te fazem realizar tarefas normais em desafios durante uns dois anos.Depois deste período, e uma anemia profunda.Depois de 2 anos de sofrimento aí sua saúde e sua vida começam à ficar normal

Anônimo 26 de abril de 2010 08:16  

Acho uma proposta muito interessante, ainda mais eu que, já realizei uma cirurgia de redução de estômago e, ao contrário do que se pensa,é muito com complicada(começando pelo preparatório e o risco da própria cirurgia), te causa dores, náuseas que te levam a vomitar, desgastam teus dentes e, te fazem realizar tarefas normais em desafios durante uns dois anos.Depois deste período, e uma anemia profunda.Depois de 2 anos de sofrimento aí sua saúde e sua vida começam à ficar normal

Anônimo 26 de abril de 2010 09:40  

QUANDO poderemos comprar desta pilula que dizem ser tao boa para obesos

Karla 26 de abril de 2010 10:28  

É lógico que uso de pípulas para emagrecer é uma pegadinha, durante algum tempo eu fiz uso de pípulas para controlar minha peso e acabei contraindo uma Síndrome de Pânico, tendo ataque cardíaco, depressão, etc. O que as pessoas deveriam saber, ou melhor já sabem, é que para emagrecer ou controlar o peso nada melhor que reeducar seu estômago ou fazer uma dieta rica em vitaminas e proteínas.

Anônimo 26 de abril de 2010 10:32  

Se for igual ao glucoman e a alga agar agar,já tomei e não senti muita diferença;ela tem que dar a sensação de saciedade,por um grande período, para não termos de tomar antes do almoço e jantar, que é algumas vezes impossível.

Javali 26 de abril de 2010 11:09  

Perdi 15 Kg em dois meses sem tomar nenhum tipo de remédio. O básico e principal da minha dieta foi cortar o açucar e fazer reeducação alimentar. O melhor do resultado sem remédio é que hoje um ano após continuo mantendo o mesmo peso, ao contrário dos outros tratamentos que quando você encerra recupera os kilos perdidos.
Não acredito em tratamentos milagrosos, só obtive resultado positivo quando realmente levei a sério e o resultado não poderia ter sido melhor.
Att: Javali

Javali 26 de abril de 2010 11:11  

Perdi 15 Kg em dois meses sem tomar nenhum tipo de remédio. O básico e principal da minha dieta foi cortar o açucar e fazer reeducação alimentar. O melhor do resultado sem remédio é que hoje um ano após continuo mantendo o mesmo peso, ao contrário dos outros tratamentos que quando você encerra recupera os kilos perdidos.
Não acredito em tratamentos milagrosos, só obtive resultado positivo quando realmente levei a sério e o resultado não poderia ter sido melhor.
Att: Júlio

Anselmo 26 de abril de 2010 11:35  

Há um risco sério de que algumas pessoas desesperadas para emagrecer faça um uso excessivo do "medicamento" - gerando problemas nutricionais graves. Por que não fazem pesquisas para ajudar as pessoas a aprenderem escolher e preparar melhor os alimentos que ingere? Hãn? Resposta: não gera lucro, pelo contrário, tende a formar pessoas moderadas e seletivas, justamente as que vão pensar duas vezes antes de comprar uma deliciosa e viciante bomba de açúcar e gordura saturada.

Anônimo 26 de abril de 2010 12:25  

Isso realmente será ótimo...Só que tem que fazer um acompanhamento médico de qq forma...Até mesmo pelo simples fato de se fazer uma boa alimentação e saudavel.Alimentação resolve quase tudo...E uma caminhada leve.Já é um bom começo.

Anônimo 26 de abril de 2010 12:40  

Talvez isso seja a invenção médica mais revolucionária dos últimos tempos. E este parece ser um remédio não muito caro.

Infelizmente, como alegria de brasileiro dura pouco, fico só imaginando o "tamanhinho" da taxa de importação que este produto terá quando (e SE) chegar no Brasil (no mínimo 100%). Isso se a importação não fôr feita durante o embargo econômico. Aí cada pilula chegará aqui com uma "modesta" taxa de uns 1000%.

Mas no final das contas, eu tenho fé neste produto.

Rafa 26 de abril de 2010 13:18  

Oi pessoal, td bem?? Sinceramente,este produto não irá funcionar da forma correta, sem trazer efeitos colaterais, se não for orgânico... Tudo aquilo que possui a estrutura ortomolecular diferente da do ser humano, nosso corpo não reconhece e não sabe definir se é bom ou ruim.. Como pode melhorar a absorção sem produzir uma limpeza do sistema gastrointestinal?? Se uma pessoa possui o intestino preso significa que nele há "sujeiras" (gorduras, toxinas, etc...) que estão obstruindo as microvilosidades, impedindo-as de fazerem uma plena absorção.. Neste caso, qdo o intestino fizer a absorção dos nutrientes essenciais, será tb absorvido as sujeiras, sendo td jogado pra corrente sanguinea... Ex.: imagine vc almoçar e não lavar o prato, mas guardá-lo sujo no armário!! Na janta vc pega esse mesmo prato, sujo, e coloca comida nova nele! Neste caso, vc consegue comer em cima daquele resto do almoço?? Pois é isso que estamos fazendo com o intestino.. Mandando comida de boa qualidade onde está sujo!! O milagre está na alimentação e na ação do corpo!! Reeducação alimentar, conciencia em estar se nutrindo e não se alimentando, atividade fisica; cirurgia em caso de risco de morte por médicos competentes!!! Abraço..
Rafael Rossetto - Gerente e Consultor de Saúde.... faelgrossetto@hotmail.com

Anônimo 26 de abril de 2010 13:19  

OLÁ...GOSTARIA Q QDO JÁ ESTIVESSE A VENDA NO BRASIL E É CLARO PRONTAS, ENVIASSEM NO MEU EMAIL:janetesantos2005@yahoo.com.br

Anônimo 26 de abril de 2010 13:31  

Eu já conhecia esta pílula. Se ingerir ela com uma fejuca o efeito é maior.

Cristiane 26 de abril de 2010 13:33  

Oi pessoal, Eu luto com a balança, e deixei de tomar qualquer medicamento para emagrecer, cheguei a conclusão que o que realmente funciona é DISCIPLINA, VONTADE, OBJETIVO, ATIVIDADE FÍSICA E REEDUCAÇÃO ALIMENTAR.

André Neto Rosa 26 de abril de 2010 13:37  

Alimento suspenso em gel é Agel, saiba mais sobre esse produto ja disponivel no mercado EUA, pelo site www.agel.com/307089 em breve no Brasil, Produto agel chamado FIT.

costa.anah 26 de abril de 2010 13:38  

gostaria que porfavor vcs me avise quando for aprovado a venda e chegar no brasil ou senão quando estiver a venda mesmo nos eua e o preço desde já muito obrigada.ANAH MEU EMAIL É COSTA.ANAH@yahoo.com

Anônimo 26 de abril de 2010 13:44  

Ai gente eu não acredito em milagres, eleiminei 23kg em 6 meses só com reeducação alimentar e malhando,a continha basica é simples, comer direito e queimar calorias, se não aprendermos a comer engordamos novamente e as vezes em dobro, ex propria viu.Ainda falta para mim eliminar 17kg, vai ser devagar mas até final do ano vou estar no peso ideal e com saúde que é o principal.Emagreçam suas mentes e tenham força de vontade, não dependam de milagres, não é facil ser magra, mas o melhor de tudo os resultados só depende de vc.Boa sorte...Bela tarde...elisrco@yahoo.com.br

Anônimo 26 de abril de 2010 13:47  

Eu vou tomar 3, no lugar de cada refeição...se eu morrer...problema meu...morro magra...

Anônimo 26 de abril de 2010 13:50  

Remédio para emagrecer é educação alimentar, obesidade ta na cabeça e não no estomâgo, esperar agora só os efeitos colaterais, de nada adianta emagrecer e voltar a engordar depois que parar o medicamento.A sibutramina já ta entrando em extinção devido aos efeitos, tudo isso é risco. A cirurgia tem seus riscos , mas devido ao trabalho anterior talvez seja ainda o unica maneira rápida de emagrecer.

Anônimo 26 de abril de 2010 15:44  

quero saber se vai demorar para ser receitada por indocrino pois tenho medo de fazer cirurgia ,a recuperação é muito dificil e estou procurando um outro caminho

Anônimo 28 de abril de 2010 15:45  
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Megareefer 5 de maio de 2010 13:19  

Estas pílulas com certeza vão provocar obstrução intestinal, cólicas, vômitos, etc...

Milagre não existe. Querem perder peso ? Fechem a boca e vão fazer exercício !

Gabriela Macedo 18 de novembro de 2011 21:13  

Eu não arriscaria. Sou gorda, mas se crescer demais dentro de mim e me estourar? E heim, prefiro fazer regime mesmo

Anônimo 8 de outubro de 2013 12:51  

Gostaria de saber como fazer para adquirir a cápsula pois fala sobre o produto mas não dá opção de contato nada.ok

Anônimo 13 de novembro de 2013 22:50  

Gostaria de saber quando reaponderaõ nossas perguntas

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+