Estamos nos tornando escravos da tecnologia?

quinta-feira, 11 de março de 2010

escravo da tecnologia A revolução digital chegou e cada vez mais pessoas têm acesso a uma quantidade maior de meios para se comunicarem. Passaram-se décadas onde a maior possibilidade de comunicação à distância eram os telefones. De repente, durante a década de 1990, os telefones celulares foram se popularizando e agora qualquer um pode ser encontrado a qualquer hora.

 

Um movimento semelhante está acontecendo com a Internet. Primeiro eram conexões discadas e muito lentas, no início da década passada a banda larga começou a se popularizar e agora é comum ver pessoas com conexões de 1 mbps. Os computadores portáteis, também conhecidos como notebooks, tiveram uma queda drástica no preço e passaram a ser comuns em cidades brasileiras. Agora qualquer um pode fazer o seu trabalho onde quer que esteja.

 

No meio disso tudo a comunicação móvel foi abocanhando características do mundo da informática. Celulares começaram a acessar a Internet em sites mais simples (tecnologia WAP) e o 3G foi chegando. Os telefones passaram a ser “inteligentes” e a terem aplicativos, assim como os computadores. Um smartphone mais moderno já é mais potente que o primeiro computador que eu tive.

 nexus-one

Em um futuro muito próximo qualquer pessoa poderá realizar atos que hoje são exclusivos dos “geeks”. Tirar fotos e atualizar redes sociais pelo celular, responder e-mails e até mesmo editar documentos de escritório serão tarefas que qualquer um poderá fazer.

 

Parece uma maravilha? Esta é uma pergunta que me faço constantemente. Antes você tinha um tempo esperado para responder uma mensagem. Quando uma pessoa deixava um recado para você através de um telefone fixo, era comum haver um tempo de espera até o recebimento da resposta. Agora, se você não atender o celular já é esperado que tenha acontecido alguma coisa errada. Existem pessoas que exageram e tentam ligar dezenas de vezes até serem atendidas. Desconfortos e indisposições são criados a partir da falta de resposta imediata.

 

privada tecnologica No mundo empresarial é senso comum que a tecnologia lhe ajuda a ganhar tempo, mas também é preciso pensar se isso não criará uma cobrança semelhante. Tendo um smartphone na mão, com acesso 3G, passará a ser inaceitável que um funcionário não responda a um e-mail, mesmo que seja durante o fim de semana, ou durante as férias.

 

Essa realidade já se apresenta real para muitas pessoas. Existem casos de pessoas que reservam tempo até mesmo durante a lua de mel para responder mensagens e e-mails da empresa. Há um tempo atrás era impensável que uma pessoa interrompesse as férias diariamente para pensar no trabalho.

 

Este é aparentemente um caminho sem volta, já que estas tecnologias vieram para ficar. Eu já me considero um escravo da tecnologia, pois, em muitos momentos, se não estou com acesso a Internet eu sinto que estou perdendo alguma coisa ou que deveria achar um ponto de acesso de alguma forma.

 

Você é escravo da tecnologia? Como estes avanços lhe afetaram?

6 comentários:

Arthurius Maximus 12 de março de 2010 10:18  

Eu concordo. A tendência é uma necessidade cada vez maior de recursos tecnológicos e mais dependência deles.

Lak 12 de março de 2010 15:13  

Bom, eu realmente sou dependente da tecnologia em todos os sentidos. Não só os genéricos, mas de forma sensorial. Uso Implante Coclear, tb chamado de ouvido biônico. E, claro, tem uma série de restrições e alguns contratempos, por exemplo, eu dependo de pilha. E a recarregavel consome energia eletrica. Já a não recarregavel, polui o ambiente... hehehe Mas sem o IC, não ouço nada.
Enfim, complexo... Mas, por outro lado, adoro saber que é comum de todas as pessoas, em maior ou menor grau. Me sinto parte integrante da atualidade e não uma aberração tecnologica hehehe
Beijocas

Isabel 15 de março de 2010 21:56  

Estamos, e isso é péssimo. Cada nova invençaõ vem com promessas de "ganho de tempo" e "oportunidades", e exatamente o contrário resulta. Tudo cada vez mais corrido, a exigÊncia de estar conectado a outras pessoas o tempo todo, a falta de privacidade e paz. Sem falar na obrigação de adquirir tecnologia a preços altos, e os que não podem pagar vão ficando para trás.

Anônimo 17 de abril de 2010 17:04  

o seu blog é bem intereçante as imagens sao ótimas mas vo ter que ti decepcionar ao dizer q vc é escravo da TECNOLOGIA.
xeru

Dmitry 17 de abril de 2010 20:34  

Com certeza. Sou escravo da tecnologia com autoridade. Se acabasse tudo hoje eu nem fonte de renda teria. 89% do que faço está relacionado a computadores e Internet.

Salina 18 de junho de 2010 14:03  

sua materia é perfeita, adorei seu blog..
Parabéns.

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+