Homem perdido em seu labirinto de lixo morre

sábado, 10 de janeiro de 2009

casa com lixo Gordon Stewart, um senhor de 74 anos de idade morreu, segundo investigadores do caso, de desidratação, após ter se desorientado e não conseguir sair dos túneis pelos quais transitava em sua casa cheia de lixo.  O fato ocorreu na Inglaterra, em Broughton.

A casa de dois andares continha montanhas de lixo como caixas de papelão, móveis velhos, sacolas e outros. Ele juntou todos esses objetos ao longo de pelo menos 10 anos, enchendo cada cômodo da residência. Na garagem um carro dos anos 50 permanecia parado por anos e foi gradualmente também cercado e coberto por lixo.

interior casa com lixo O idoso era visto frequentemente pelos vizinhos andando de bicicleta e embora fosse recluso, era reconhecido. Quando os vizinhos perceberam sua falta por alguns dias contactaram a polícia. Um vizinho declarou que o senhor Stewart “Era um pouco excêntrico, mas inteligente. Era apenas um colecionador. Sempre ia para casa com uma grande quantidade de caixas de papelão e vivia em seu próprio mundo."

Quando a polícia entrou na casa, descobriram a intrincada rede de túneis e o cheiro era tão forte que não conseguiram suportar, sendo necessário chamar o time de Procura e Resgate, com equipamentos para respirar, para retirar o corpo.

Este senhor vivia sozinho e aparentemente não tinha parentes próximos. É uma história triste, e faz pensar sobre a importância do acúmulo de bens ou objetos, que muitas vezes começa a reger nossas vidas.

Me fez lembrar de uma cena do filme Labirinto, bastante desesperadora e que relembro quando convivo com algumas pessoas que se apegam tanto a bens e trecos.

Fonte: Telegraph, Environmental Graffiti

5 comentários:

Anônimo 13 de janeiro de 2009 11:55  

esse fato é tão incomum que chega a ser engraçado

Arthurius Maximus 13 de janeiro de 2009 14:16  

Ao contrário do Anônimo que comentou acima, não acho esse fato incomum. Já ocorreram diversos casos aqui no Brasil em que pessoas viviam em casas cobertas por lixo. Inclusive na capital paulista foram noticiados dois casos no ano passado.

Trata-se de um distúrbio mental bem conhecido.

Um abraço.

Lucas Fernandes 20 de janeiro de 2009 16:03  

Na verdade acho q se fosse diagnosticado antes ele ainda poderia estar vivo. Esse obscessão com acumulo de lixo é um dos primeiros simtomas do mal de alzheimer. o avô da minha ex-namorada começou a trazer lixo pra casa e começou a montar um barracão no quintal. Depois de uma pesquisa descobriram sobre o alzheimer. Mas como devia ser sozinho, e nenhum vizinho devia ligar ele não obteve a ajuda nescessária.

Dmitry 3 de fevereiro de 2009 14:09  

É realmente triste que ninguém estivesse por perto para levá-lo ao médico. Talvez este trágico final tivesse sido evitado.

freefun0616 4 de novembro de 2009 07:43  

酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+