Polícia coloca culpa da má direção nos games

terça-feira, 18 de novembro de 2008

Engraçado notícias como esta surgirem junto com o lançamento de um título de peso no gênero como Need For Speed.

As autoridades da Austrália acreditam que jogos que permitem os jogadores se exibirem em manobras arriscadas aumentam o número de acidentes nas estradas do país. A idéia de que o carro no jogo se reconstrói faz com que pessoas pensem que as coisas funcionam assim na vida real.

Os números no país são realmente alarmantes. Mais de 2000 pessoas perderam suas carteiras por dirigirem a mais de 45 km/h acima do limite de velocidade ou por dirigirem embriagados.

Um estudo feito na Alemanha indica que homens que jogam games de corrida se arriscam mais nas estradas reais. Já mulheres não são afetadas por games do gênero.

O governo local disse que programas de educação no trânsito seriam a solução para tamanho número de infrações, especialistas acham que os jogos deveriam ser fiscalizados e que a idade para se tirar carteira deveria ser de 18 anos (lá se tira carteira com 16).

Me pergunto se os games tem assim tanta culpa, afinal a Austrália etá cheia de estradas cortando o país no meio de desertos. Isso parece um convite a motoristas andarem em alta velocidade.

Basta andar em uma de nossas estradas. Quando o trecho está bem conservado você pode observar a quantidade de motoristas dirigindo em altíssima velocidade. Quantos destes são gamers? Acho que jogos podem ter alguma influência, mas não podemos apontar o dedo achando que o fim dos títulos de corrida vão ajudar a diminuir a violência no trânsito.

Fonte: Kotaku, News.com.au

1 comentários:

G 18 de novembro de 2008 15:25  

parece-me um pouco "abusada" a comparação, mas...


Abraço!

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+