Austrália vai instalar um filtro para censurar a Internet

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Quem achava que censura era um mal da China e de Cuba pode tirar o cavalo da chuva. Depois de quase banir Fallout 3 porque pessoas se drogam no jogo o governo australiano anunciou que vai criar um firewall para filtrar o conteúdo que todos têm acesso na Internet.

Este filtro oficial será controlado pelo governo e irá determinar o que pode ser visto e o que não pode. A justificativa é impedir que jovens acessem pornografia online, mas isso também impedirá adultos de acessarem o que lhes vier a mente.

Se um adulto resolver colocar seu nome em uma lista das pessoas que não querem estar protegidas da pornografia ele vai parar em um filtro que bloqueará qualquer conteúdo considerado "ilegal".

O Ministério das Comunicações afirma que o filtro é obrigatório para todos os que estão na Austrália. Os provedores de Internet do país já adiantam que o uso do filtro diminuirá muito a velocidade das conexões, já que a tecnologia não é tão veloz quanto se deseja.

Defensores da liberdade de expressão afirmam que ninguém sabe o que será bloqueado. Assuntos polêmicos como drogas, eutanásia e protestos contra o governo podem ficar bem longe dos olhos australianos. O governo não quer saber que tipo de tecnologia será usada pelos provedores, só importa mesmo que uma lista fornecida pelo Australia Communications and Media Authority (Autoridade Australiana de Comunicações e Mídia) seja cumprida.

Pesquisas indicam que o melhor filtro de Internet bloqueia 1% de conteúdo que não deveria ser bloqueado por falta de precisão. Por exemplo, você escreve uma matéria sobre o novo filme de Kevin Smith (algo comum aqui no Pipoca), cujo nome é "Zack e Miri Fazem um Pornô", é possível que o seu blog ou site seja bloqueado por causa da palavra que indica conteúdo sexual.

Para mim tudo isso é muito assustador, pois a Austrália não é considerada como nação onde a liberdade de expressão é restrita. Esta é uma das primeiras quebras da liberdade por causa do "bem estar" da população. Me chamem de paranóico, mas dai para implantação de chips de identificação (como a Inglaterra quer usar, clique aqui para ler) para que os bandidos sejam monitorados e sequestros seja evitados é um pulo.

Fonte: Gizmodo, Boing Boing, Computerworld

1 comentários:

Arthurius Maximus 17 de outubro de 2008 02:30  

Tudo agora tem uma desculpa só: combate ao terrorismo.

Como se isso adiantasse.

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+