Ursos polares recorrem ao canibalismo

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Como o verão acabou no hemisfério norte, chegou a hora dos pesquisadores computarem como o aumento da temperatura mexeu com o ártico. Um pesquisador do National Snow and Ice Data Center do Colorado afirma que a situação do continente gelado não foi tão ruim quanto no ano passado, quando se chegou ao segundo menor nível da história, mas ainda está 30% abaixo do que é considerado normal.

O monitoramento do continente é feito por satélite há 50 anos e os resultados dos últimos 5 anos preocupam muito pesquisadores e cientistas. Mesmo que este ano não tenhamos tido um verão tão rigoroso quanto no ano passado nesta parte do mundo, ainda se está perdendo muito da camada de gelo que cobre o continente. Atualmente se perde 10 por cento de gelo por década, o que é uma grande quantidade se for comparada com os resultados de 2003. Acredita-se que o gelo do Ártico derreterá completamente no verão em poucos anos.

A camada de gelo do Ártico ajuda a manter a temperatura em diversas partes do mundo. Quanto menos gelo, maior será o impacto nestes locais. Os cientistas prevêem que com o fim desta camada os raios solares não mais serão refletidos e então muitas partes dos mares, onde a água era escura e fria, passarão a absorver o calor do Sol, esquentando ainda mais o clima de todo o planeta.

Para se ter uma idéia de quanto gelo desapareceu os cientistas afirmam que há menos de 30 anos existia uma camada congelada de aproximadamente 7 milhões de quilômetros quadrados, hoje este número diminuiu 40%.

Os maiores prejudicados que conhecemos com todo este processo são os ursos polares, afinal trata-se do habitat deles. Já é de conhecimento geral que os ursos estão perdendo seus lares e que muitos estão se afogando. Agora começam a serem registrados casos de canibalismo entre ursos pois eles não tem mais acesso a suas fontes habituais de comida.

O governo americano já os colocou na lista de animais ameaçados de extinção, o que é um alívio uma vez que eles são caçados no Alaska. Mas resta saber se vai ser suficiente, porque o fim do habitat dos ursos polares pode significar também o fim da própria espécie.


Fonte: CNN

5 comentários:

Quim 29 de setembro de 2008 11:04  

A raça humana é uma vergonha mesmo....só pensa em si....seres de evolução muito baixa....para nós ganhar dinheiro é o mais importante....e isso faz fumaça...

Anônimo 29 de setembro de 2008 13:56  

Acredito que a natureza não vai ficar parada, ela vai da sua resposta, é isso que tenho medo...

Anônimo 29 de setembro de 2008 15:24  

Procure no Apocalipse, e encontrará predito esse e outros acontecimentos que estamos vivendo. O homem ambicioso provoca tudo isso e faz que não vê. Lá diz também que no fim dos tempos o homem brincaria de ser Deus. Vamos vigiar, pois já está acontecendo!

Betty 29 de setembro de 2008 15:40  

oi,
assim como vc tbm me preocupo com o futuro do nosso planeta,eu criei um blog a pouco tempo em defesa da amazonia, e será que vc poderia me dá umas dicas de como posso divulgar melhor essa causa através de links e tudo mais!!
vlw

Luis 9 de dezembro de 2009 14:16  

Como somos ignorantes..
burros.. sem coração..
ainda nos consideramos evoluídos..

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+