O Saara pode fornecer energia para toda a Europa

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Um dos maiores desafios para o uso da energia solar como fonte para os Europeus é que esta não é constante. Mas aparentemente cientistas reunidos em um fórum que aconteceu em Barcelona encontraram uma solução.

Os pesquisadores que participaram do Euroscience Open Forum sugeriram que a criação de usinas de energia solar no deserto do Saara poderia suprir toda a energia elétrica que a Europa precisa. As usinas poderiam utilizar tanto a tecnologia de células fotovoltaicas quanto a utilização dos raios solares para aquecer uma grande quantidade de água e produzir vapor.

Outra sugestão foi a criação de uma rede de cabos de alta tensão ligando vários países, pois assim um país que produz muita energia eólica poderia exportar energia em períodos mais favoráveis, assim como importar quando fosse necessário. Esta rede também seria ligada a diversos tipos de energia renovável. Ela também seria ligada às usinas de energia solar no Saara, pois quando houvesse necessidade vários países poderiam comprar energia destas fontes. Isso também seria muito bom para os países do Saara onde estas usinas poderão ser construídas, representando uma nova fonte de renda.

O motivo de se apontar o Saara como local ideal para estas usinas é que pela incidência de raios solares nesta região é três vezes maior do que nos países europeus. Estima-se que 0.3% dos raios solares que cobrem o deserto seriam suficientes para suprir todas as necessidades de energia do velho continente.

Mas nem tudo são flores para esta idéia. O custo e o tempo para se colocar esta idéia em prática são fatores que pesam contra o projeto. Um investimento de cerca de 450 bilhões de Euros seria necessário para realizar a obra, que só ficaria pronta em 2050, gerando 100 GW, que é mais eletricidade do que todo o Reino Unido junto produz atualmente.

Acredito que os meios alternativos de energia são um negócio com futuro. Por isso o início da construção de pelo menos algumas destas usinas já representaria um grande passo, não só para a diminuição do impacto da produção de energia no meio ambiente como também uma maneira permanente de se gerar eletricidade. Sei que o Brasil possui recursos hídricos para a produção de energia, mas a construção de usinas solares no semi-árido poderia evitar o alagamento de grandes áreas para a criação das represas necessárias para geração de energia hidroelétrica.

Fonte: Environmental Graffiti

1 comentários:

Arthurius Maximus 2 de agosto de 2008 02:14  

Li essa matéria e achei fantástica. Imagine, seria uma revolução e uma fonte de renda fantástica para os países "banhados" pelo deserto.

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+