Um elefante foi condenado a morte na forca

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Os circos com animais estão diminuindo em número, principalmente por causa de campanhas contra estes estabelecimentos e o tratamento prestado a estes animais. O debate de se os animais são ou não servos das pessoas para seu entretenimento é grande, mas inegável é a forma como a maior parte deles sofre em circos espalhados pelo interior do Brasil.

 

elefante enforcado Geralmente quando um animal de circo fere ou mata uma pessoa ele é condenado a morte, mas em vários países já existem santuários e locais específicos onde estes bichos podem ficar. Isto não era uma realidade no ano de 1916, quando o circo Sparks Brothers chegava a cidade de Kingsport, nos EUA. Junto com o circo vinha Mary, uma elefante de 30 anos de idade e cerca de 5 toneladas. Red Eldridge era a pessoa responsável pela alimentação do elefante entre os shows e em um destes intervalos ele rasgou a orelha de Mary com um gancho de boi, enfurecendo-a. Mary pegou Red com sua tromba e o arremessou contra o bebedouro, depois esmagando-o contra seu peso.

 

Isso foi o necessário para causar um pânico geral nas pessoas da cidade, que clamavam pelo sangue de Mary gritando "matem o elefante!" Um ferreiro local sacou uma arma e atirou contra Mary, mas a pele de um elefante é muito grossa para ser perfurada por balas normais. O xerife local "prendeu" ela ao lado da cadeia da cidade e exigiu que o dono do circo garantisse que ela não maltrataria ninguém. Várias cidades também se manifestaram dizendo que não aceitariam o circo caso Mary estivesse viva.

 

Os donos do circo decidiram então que a melhor saída seria matar o elefante de forma apoteótica, transformando o assassinato de um animal em um espetáculo para todos. Eles resolveram enforcar Mary com um guindaste industrial, mas a primeira tentativa não deu certo, pois a corrente não segurou o peso dela e se partiu, derrubando-a e quebrando seu quadril. Na segunda tentativa ela morreu e deixou todo mundo feliz.

 

Me pergunto como as pessoas podem cobrar de um animal selvagem a mesma punição dada a um criminoso que conhece as leis e tem consciência da vida em sociedade. Se você pensa que o caso de Mary teve este fim somente porque foi em 1916 saiba que até hoje o sacrifício é o fim dado a muitos animais de circo "condenados" por crimes.

 

elefante_amarrado Animais de circo geralmente tem sua origem relacionada a alguma situação traumática, como a morte de parentes ou a separação brusca de suas famílias. Eles tem origem de selvas, zoológicos ou até mesmo de outros circos e nunca são tratados como deveriam pela sua fisiologia. Ursos nunca andariam de bicicleta, leões não passariam em círculos de fogo e elefantes não ficariam em pé imitando bípedes.

 

Como resultado disso eles apresentam muitas vezes distúrbios comportamentais graves como auto-mutilação, coprofagia (comer as próprias fezes) e constante abanar da cabeça só para citar alguns. Este autêntico estado de loucura pode ser visto em diversos animais de circo.

 

Veja neste link uma lista de circos que têm animais e não vá neles caso um deles visite sua cidade. Não sou contra a atividade circense, mas só a aprecio em circos que utilizam apenas humanos. Saiba também que diversas cidades do Brasil como São Paulo, Recife, Olinda e Florianópolis já proibiram o uso de animais em circos. Infelizmente Salvador não faz parte desta lista, mas quem sabe um dia esta atrocidade seja banida de todo o país.

 

Fontes: Environmental Graffiti, PEA, ANIMAL

 

8 comentários:

Irmão Fabiano 1 de julho de 2008 09:32  

E pensar que faziam isto COM PESSOAS também, desde o início da humanidade.

O ser humano é o pior dos animais e o mais cruel também, ou você já viu outra espécie matar por puro prazer?

Abraço.

Dmitry 1 de julho de 2008 14:42  

Recentemente falei sobre a prática da pena de morte na forca (http://pipocadebits.blogspot.com/2008/02/o-lavador-de-almas-e-pena-de-morte.html) e digo que a pessoa deve levar a atividade muito a sério para que o condenado não sofra. Mas aplicar isso contra um animal, ainda mais por um "crime" é inexplicável

Têmis 2 de julho de 2008 09:17  

É interessante a maneira com que o homem se coloca em estado de supremacia diante dos demais "colegas de quarto". Como se fosse diferente. Mais inteligente? Não sei não... ele se autodestroi e destroi o ambiente que habita. Não me parece lá muito inteligente não.

Justo seria punir da mesma forma o tratador que fere o animal não é mesmo? Se um animal fere o dono ele é morto. Agora se um homem fere um animal nada é feito, a despeito de todas as inúmeras leis que tratam do assunto. Uma vergonha.

Obrigada pelo comentário no Jurisconsulto. Também ando meio sem tempo para comentar nos blogs que leio.

Quanto à mudança no estilo.. vou confessar: fiquei foi com inveja de ti hahahahahah. Sério mesmo. Visito seu blog sempre e quando vi a mudança e como ficou bom, eu resolvi fazer no meu também. Levou um certo tempo porque não manjo nada de html... deu um trampo danado. Mas no final compensou.

Grande abraço e obrigada pela visita.

spirandeli 4 de julho de 2008 11:41  

Enquanto o homem achar que pode, o mundo vai se sucumbir ao fim!

juliana 4 de julho de 2008 17:51  

é por isso que tenho vergonha da raça "humana".....

Lucas 5 de julho de 2008 22:28  
Este comentário foi removido pelo autor.
Lucas 5 de julho de 2008 22:34  

Eu fico surpreso com algumas respostas aqui:

--irmão fabiano--
"O ser humano é o pior dos animais e o mais cruel também, ou você já viu outra espécie matar por puro prazer?"

--têmis--
"É interessante a maneira com que o homem se coloca em estado de supremacia diante dos demais "colegas de quarto". Como se fosse diferente. Mais inteligente? Não sei não... ele se autodestroi e destroi o ambiente que habita. Não me parece lá muito inteligente não."

--spirandeli--
"Enquanto o homem achar que pode, o mundo vai se sucumbir ao fim!"

--juliana--
"é por isso que tenho vergonha da raça "humana"....."

1º Irmão fabiano - Matar por prazer é do instinto humano. Não só o homem mata por prazer pois existem outras espécies de animais que fazem isso. Só não dou exemplo porque não to lembrado aqui.

2º têmis - Pra falar a verdade nós já somos superiores a qualquer outro tipo de animal que viva dentro do planeta Terra. Eu digo "superior" no sentido de: mais inteligente, mais complexo, etc. Sobre a "autodestruição" já era de se esperar porque a muita perfeição sempre gera imperfeição.

3º spirandeli - E quem disse que o Homem não pode?

4º juliana - (essa foi a pior pois tem vergonha da própria raça)Bem, dona juliana, acho que você está sendo muito ingrata com sua própria raça. Você lembra quando fico doente daquela vez?? lembra?? quem te salvou?? Ah! um comprimidozinho...Woah! acho que o único animal nesse planeta que tem capacidade de criar um remédio, é o ser humano. Portanto agradeça-o pois foi o ser humano que te deixou continuar viva e para falar essa !TOLICE!.

Bem, agora a minha opnião: Este animal foi julgado pela lei do homem, a lei da carne. Quanto a ele podemos fazer apenas uma coisa: NADA. É de se esperar que o ser humano, como é o mais inteligente, encontrasse um outra forma ou mesmo mais "civilizada" de punir o coitado do animal que na hora nem sabe que vai morrer(pode até saber, mas não sei). Well well. Este é o ser humano verdadeiro, o seu lado interior. Para mim o certo seria colocar o animal em um lugar para a reabilitação e devolvê-lo para selva. "Mas e o cara que dava comida pra ela? morreu e fica assim mesmo?" fica sim. O cara meteu um gancho de boi na orelha dela. O que você acha que ela iria fazer? ficar sentada? E se alguém, no meio da rua te dá uma tapona na cara? você vai fazer o que? ficar parado ou vai revidar? Bem, essa resposta cabe a cada um, eu gostaria muito de aceitar a primeira mas o meu instinto humano me leva para a segunda. Achei corretíssimo a elefanta ter matado aquele cara. O que mais ele poderia ter feito para ele para morrer "esmagado"? Com certeza não foi só meter um gancho de boi na orelha dela, com certeza aconteceu muito mais dessas SAFASEZAS anteriormente. A maioria dos animais, por instinto, pode ficar apanhando por até certo tempo...depois amigo, quando não der mais para segurar, aconselho sair da frente. Pois é né, fazer o que? Foi o cara que começou, devia ter morrido mesmo.

Reggty 29 de janeiro de 2013 02:29  

Espero que esta gente que executou a elefante apodreçam no inferno...
Já devem ter morrido este povo e espero que estajam sofrendo as piores torturas seja no inferno ou no umbral. odio de quem faz isso com um animal!

Related Posts with Thumbnails

  © Free Blogger Templates Columnus by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

Google+